Newsletter

Cadastre-se e receba nossos informativos

Nome:
Email:
 
Artigos
A geração Z no ambiente corporativo
Em: 08/10/2015 por: Mary Anne Gonçalves Dias

Muito se fala sobre as necessidades e peculiaridades dos profissionais da geração Y, que nasceram dos anos 1980 até meados dos 1990. Boa parte destas pessoas, porém, já está com uma carreira consolidada e ocupa cargos de destaque. As empresas, por mais que não estejam totalmente adequadas a estes profissionais, já estão sob liderança ou gestão da “geração do milênio”.

Agora, o desafio é incluir aqueles que nasceram a partir de 1995, da chamada Geração Z. Eles estão entrando no mercado de trabalho nos últimos anos e têm características diferentes, como a extrema conexão à tecnologia, por serem nativos digitais.

Conheça cinco dicas para que as empresas sejam receptivas e usem o potencial destes jovens.

1 – Prepare os colaboradores da Geração Y para gerir os nativos digitais

É importante garantir que os gestores (provavelmente parte da geração Y) saibam lidar com os novos funcionários. Tanto na hora da seleção quanto no dia a dia, as características destes novos profissionais estejam bem claras.

2 – Acabe com o padrão no ambiente de trabalho

Diferentes tipos de trabalho merecem diferentes configurações do espaço. Esta premissa se torna mais forte para receber os profissionais da geração Z, pois estes têm ainda mais forte o valor da personalização. Considerando que o ambiente da empresa não é só para trabalhar, as atividades de educação corporativa, socialização e colaboração também devem acontecer em locais que tenham características diferentes e bem marcadas.

3 – Estimule o trabalho, mas também a flexibilidade e a descontração dos colaboradores

A geração Z valoriza ainda mais a flexibilidade e a descontração no ambiente de trabalho. Empresas devem estimular estas características, sem política rígida de horário e favorecendo atitudes empreendedoras. Um dos modos de fazer isto é colocando tecnologia à disposição dos colaboradores.

4 – Conexão constante requer integração

Os profissionais que estão entrando no mercado de trabalho agora já nasceram conectados ao computador. Esta característica traz benefícios à empresa pois a geração Z lida melhor e mais rápido com a tecnologia. Na contramão, isto também pode por em risco a comunicação entre os membros da equipe. Por isso, a atenção com a integração do time é essencial.

5 – Responsabilidade social e ambiental atrai talentos

Quem nasceu a partir de meados dos anos 90 cresceu com valores relativos à sustentabilidade muito fortes. Por isso, empresas que se preocupam com os impactos ambientais e sociais de suas ações ganham mais engajamento e motivação dos profissionais da geração Z.

Redigido por Mary Anne Gonçalves Dias – Analista de RH da Empresa Zemar Estaleiro do Aço

 - Este post possui informações da Revista Melhor

Mais artigos:
21/07/2017 - Público do CONCARH cresce 22% em relação às edições anteriores
13/10/2016 - Os motivos que fazem a carreira em Recursos Humanos estar em alta
11/10/2016 - A geração que encontrou o sucesso no pedido de demissão
28/09/2016 - e-Social: agora é pra valer!
 
Associação Brasileira de Recursos Humanos Litoral - Regional Itajaí
Sistema Nacional ABRH
Fone: (47) 3342 8877
Rua Samuel Heusi, 463 - Sala 207 - Centro
88301-320 - Itajaí - SC
Todos os direitos reservados 2009.
Desenvolvido por Ydeal Tecnologia.