Newsletter

Cadastre-se e receba nossos informativos

Nome:
Email:
 
Artigos
Os dez empregos mais necessários do futuro
Em: 18/07/2014

Não é somente para os que têm 18 anos ou para os que estão prestando vestibular que este assunto é interessante. Saber sobre as profissões do futuro e entender como o mercado irá evoluir dentro de alguns anos pode ser a peça chave que falta para você se dar bem. Ao descobrir quais são os dez empregos mais necessários do futuro, você pode avaliar se a sua profissão se encaixa em alguma destas funções ou se será necessário mudar de profissão para não passar aperto a longo prazo.

Treinador de atletas

Com o aumento da preocupação com a saúde e a performance dos atletas, além dos grandes eventos esportivos programados para acontecer no Brasil, a profissão de treinador deverá crescer 37% até 2018. A diferença entre o personal trainer e o treinador de atletas é que o último é formado em medicina esportiva. Desta forma pode tratar pequenas lesões musculares e esqueléticas e, além disso, ainda conta com a supervisão de um médico. Sua importância nos setores industriais, artísticos e governamentais é cada vez maior. Segundo o "The New Yor Times" (TNYT), a previsão salarial para este profissional é de aproximadamente 42 mil dólares por ano.

Bioquímico e biofísico

Com a necessidade de entender melhor as doenças e buscar a sua cura, bioquímicos e biofísicos aparecem na lista das profissões do futuro. Com a previsão de abertura de 9.000 postos de trabalho até 2018, o responsável na área deverá ganhar em torno de 88 mil dólares anuais, segundo o TNYT. A importância deste profissional é estudar os organismos vivos em seu menor nível, o molecular, passando pela composição química e DNA, e desta forma manipulá-los para tratar doenças ou distúrbios genéticos.

Especialistas em cuidados da pele

Devido a um dos problemas que mais preocupam a humanidade atualmente, a quantidade de especialistas em cuidados da pele deve crescer 38% até 2018. E tudo isso porque a população está buscando se rejuvenescer cada vez mais. Tratamentos como botox, lasers e peelings em spas vêm crescendo enormemente. A venda de produtos anti-idade cresceu 13% até 2008, e espera-se que este aumento chegue a 20% em 2013. O que também colabora para o fortalecimento desta área é que hoje em dia a preocupação com o cuidado da pele não é somente das mulheres, já que muitos homens também estão consumindo produtos e serviços deste mercado.

Engenheiro de mobilidade

São responsáveis pela construção, funcionamento e assistência das infraestruturas ferroviárias, portuárias e aeroportuárias. Os engenheiros de mobilidade também têm que conferir se tudo está conforme as normas legais específicas na legislação. No perímetro urbano, o gerenciamento da sinalização das vias e o planejamento do transporte urbano, tendo em vista a melhora do fluxo no trânsito, também são responsabilidades destes profissionais. O curso de engenharia de mobilidade é novo. Ele surgiu no Brasil no ano de 2009 e tem duração de cinco anos.

Analista de inteligência de mercado

Responsável por analisar como funciona o mercado, a situação da concorrência e suas movimentações estratégicas, este profissional vem crescendo cada vez mais no Brasil. As marcas são vistas, atualmente, como verdadeiras amigas: basta ver a quantidade de fãs que há na fanpage das marcas mais conhecidas. Os analistas de inteligência de mercado também precisam estudar o perfil da concorrência para saber como posicionar uma marca e evitar a perda de uma vantagem competitiva. Com um salário médio de R$ 5 mil, este profissional atua em grandes empresas e companhias que tenham área de marketing.

Auditor financeiro

Sabe aquela parte chata de todo trabalho que ninguém quer fazer, como analisar as contas nos mínimos detalhes e investigar os gastos para que se cumpra a lei fiscal? Então, é justamente o que faz o auditor financeiro. E a profissão está crescendo devido a problemas com os bancos e algumas empresas no setor de seguros. Espera-se um aumento de 11 mil novos postos de trabalho até 2018 e um salário de 71 mil dólares por ano.

Engenheiros de petróleo

Como muito se especula sobre o fim do petróleo, é necessário que existam profissionais capacitados nesta área a fim de encontrar novos poços e jazidas de petróleo. Para isto, é imprescindível ter conhecimentos em engenharia, geologia, geofísica e mineração. Também é preciso saber como se desenvolvem projetos de exploração, produção e comercialização de petróleo e gás natural sem prejudicar o meio ambiente e sem desperdiçar os recursos. O mercado é grande e a mão de obra é escassa. O profissional da área pode atuar em companhias ligadas à extração de petróleo e gás natural, empresas de engenharia, organizações governamentais relacionadas à indústria petroleira e também em instituições de pesquisa e ensino. O salário inicial é, em média, de R$ 3 mil.

Assistente de saúde

Também conhecidos como cuidadores de pessoas, os assistentes de saúde não se limitam a cuidar as pessoas em suas casas, também o fazem em hospitais e casas especializadas. Sua função inclui preparar as refeições dos pacientes e cuidar do ambiente onde vivem. Mas não pense que são empregados domésticos. Eles também identificam sinais vitais e medicam os pacientes. O que se espera é que até 2018, 461 mil novos postos sejam oferecidos com um salário médio de 30 mil dólares ao ano.

Analista de comunicações e sistema de redes e dados

Com este nome complicado, este item da nossa lista pode parecer um tanto difícil de entender, mas não é. A função deste profissional é conhecer a concepção, construção, manutenção e testes da área de TI, seja intranet ou internet. E é um emprego promissor devido ao crescimento dos smartphones e do "cloud computing", serviço online de armazenamento de dados e aplicativos. O que se espera para 2018 é um aumento de 53% nesse mercado e um salário de aproximadamente 90 mil dólares ao ano.

Engenheiro biomédico

No nosso primeiro lugar da lista está o engenheiro biomédico. Sua função é juntar as disciplinas médicas com as disciplinas da engenharia. E, desta maneira, desenhar e construir novos equipamentos, como órgãos artificiais, e lapidar alguns processos como testes genéticos ou administração de medicamentos. Essa profissão se encontra como uma das mais promissoras devido ao avanço tecnológico das indústrias farmacêuticas e genéticas. Calcula-se que 12 mil novos postos sejam ocupados até 2018, a um salário de 100 mil dólares ao ano, em média.

Escrito por Marcinho Lc – eHow Brasil

Mais artigos:
21/07/2017 - Público do CONCARH cresce 22% em relação às edições anteriores
13/10/2016 - Os motivos que fazem a carreira em Recursos Humanos estar em alta
11/10/2016 - A geração que encontrou o sucesso no pedido de demissão
28/09/2016 - e-Social: agora é pra valer!
 
Associação Brasileira de Recursos Humanos Litoral - Regional Itajaí
Sistema Nacional ABRH
Fone: (47) 3342 8877
Rua Samuel Heusi, 463 - Sala 207 - Centro
88301-320 - Itajaí - SC
Todos os direitos reservados 2009.
Desenvolvido por Ydeal Tecnologia.